O Clube
|
Inscrições
|
Parcerias
|
Links úteis
Logótipo Jumbo
Logótipo Pet Club
Pergunte ao Vet
Pergunte ao Vet
PESQUISA
TIPO DE ANIMAL
TEMA DA PERGUNTA

PERGUNTE AO VET

Esclareça as suas dúvidas

DEIXE AQUI A SUA PERGUNTA

PERGUNTAS E RESPOSTAS

CÃO | SAÚDE E BEM-ESTAR | 10/01/2018

Catarina Silva

Eu adoptei uma Shar Pei à mais ou menos 4 meses, ela foi abandonada num hotel para animais desde que nasceu e tem muito medo de pessoas, sempre que saímos à rua é um filme, o que posso fazer? Que cuidados devo ter?

Ler +Fechar

Imagem do Vet

Márcia Carmo

Separador

Auxiliar Veterinária

Olá, Catarina

Os primeiros passeios na rua são sempre os mais stressantes para os cachorros, pois estamos a retirá-los do ambiente que lhes é familiar, seguro e controlado. Por norma, recomendamos aos donos dos cachorrinhos, aulas com treinadores de forma a aprenderem a gerir estes passeios, tanto a nível de barulhos, pessoas estranhas e até mesmo outros animais. Estes treinadores promovem aulas individuais e em grupo, uma melhor socialização e ao mesmo tempo ensinar aos donos técnicas de controlo e reforços positivos, de forma a manter as idas à rua tranquilas e prazerosas para todos. Este processo, visto ter estado algum tempo em hotel, poderá ser mais lento e requer paciência e muito empenho da parte de todos os envolvidos.

Obrigada,
Márcia Carmo

GATO | SAÚDE E BEM-ESTAR | 09/01/2018

Teresa Gomes

Vou buscar uma gatinha a uma senhora. Ela faz no dia 18 2 mesinhos, já come da comida dela e às vezes ainda quer mamar. Quero saber, se posso continuar, em minha casa, dar dar o leite próprio e quantas vezes ao dia.Obrig

Ler +Fechar

Imagem do Vet

Nuno Sousa

Separador

Médico Veterinário

Olá, Teresa

A partir das 8 semanas de vida já não existe vantagem em continuar a administrar leite a um gatinho. É suficiente alimentá-la com a dieta júnior (secos e húmidos) em exclusivo daqui em diante, uma vez que nesta idade os gatos já estão preparados para o desmame.

Obrigado,
Nuno Sousa

CÃO | SAÚDE E BEM-ESTAR | 04/01/2018

Cristiana Santos

Boas a minha cadela tem 1 ano , esterlizada há 6 meses , quando ela se deita de barriga para o ar noto um alto na barriga é duro e umas vezes está maior outras vezes nem se nota , ela anda bem disposta devo me preocupar

Ler +Fechar

Imagem do Vet

Nuno Sousa

Separador

Médico Veterinário

Olá, Cristiana

Não é possível responder à sua questão de forma adequada através desta plataforma, uma vez que se tratar de uma cadela que não examinámos pessoalmente. Sem um exame físico presencial, e eventualmente o recurso a exames complementares de diagnóstico, não conseguimos emitir nenhum parecer sobre a natureza da lesão que descreve. Apenas lhe posso recomendar que procure o médico veterinário assistente da sua cadela e discuta com ele o problema, para que se consiga determinar qual a sua origem e como resolvê-lo. Obrigado pela compreensão.

Obrigado,
Nuno Sousa

CÃO | ALIMENTAÇÃO | 02/01/2018

Luke

É benéfico dar óleo fígado bacalhau ou óleo de salmão aos cães? E que quantidade dar a um cão que pese 35kg?

Ler +Fechar

Imagem do Vet

Nuno Sousa

Separador

Médico Veterinário

Olá, Luke

Apesar do conteúdo em ácidos gordos dos óleos que refere, não existe nenhum benefício em administrá-los a cães. Existem no mercado alimentos para cão e/ou suplementos compostos por ácidos gordos que podem ser utilizados em alternativa, sempre de acordo com a indicação do médico veterinário assistente. A quantidade vai depender do produto ou alimento escolhido, em função da concentração em ácidos gordos de cada um.

Obrigado,
Nuno Sousa

ROEDOR | HIGIENE E ESTÉTICA | 31/12/2017

Paula Mourão

como preparar a gaiola dos roedores bebés para o inverno?

Ler +Fechar

Imagem do Vet

Nuno Sousa

Separador

Médico Veterinário

Olá, Paula

Os roedores bebés poderão ter mais dificuldade em regular a temperatura corporal pelo que se aconselha que disponibilize bastante material para o ninho, de forma a que eles se possam lá aconchegar e manterem-se aquecidos. Para isto poderá utilizar desde papel higiénico em farripas como variantes industrializadas vendidas nas lojas da especialidade.

Obrigado,
Nuno Sousa

GATO | SAÚDE E BEM-ESTAR | 20/12/2017

Mafalda Ribeiro

Olá boa noite! a minha gata começou a ter na zona do dorso junto no inicio da cauda, zona sem pelo. cada dia que passa essa zona aumenta, a pele não tá vermelha. ela costuma lamber-se nessa zona. é do que? obrigada cump.

Ler +Fechar

Imagem do Vet

Nuno Sousa

Separador

Médico Veterinário

Olá, Mafalda

São muitas as causas para as lesões que descreve na pelagem da sua gata, algumas das quais poderão ser potencialmente transmissíveis ao homem. Através desta plataforma não podemos emitir nenhum parecer clínico nem diagnósticos, por se tratarem de animais que não examinámos pessoalmente. Assim, apenas lhe posso recomendar que consulte o médico veterinário assistente da sua gata, de modo a que ele a examine e assim possa determinar qual a origem do problema.

Obrigado,
Nuno Sousa

CÃO | DOENÇAS | 18/12/2017

Paula Mourao

quantas vezes se deves desparasitar os cães

Ler +Fechar

Imagem do Vet

Nuno Sousa

Separador

Médico Veterinário

Olá, Paula

A desparasitação dos cães deve obedecer à frequência determinada pelo médico veterinário assistente de cada animal, de acordo com o seu critério e com o perfil de risco em cada caso concreto. Dito isto, e de uma forma generalista, recomenda-se que os cachorros sejam desparasitados mensalmente contra lombrigas e ténias até aos 6 meses de idade e que a partir daí os cães sejam desparasitados internamente a cada 3 meses. Em relação à desparasitação externa, depende dos produtos ou combinação de produtos que forem utilizados, existindo soluções mensais, trimestrais ou mesmo com 6 a 8 meses de eficácia, podendo escolher-se entre pipetas, comprimidos e/ou coleiras.

Obrigado,
Nuno Sousa

CONHEÇA A EQUIPA

Veterinária

Nídia Silva

Separador

Médica Veterinária

Nídia Silva


Licenciada em Medicina Veterinária pela Faculdade de Medicina Veterinária de Lisboa, em 2002.

Exerce, desde 2002, clínica e cirurgia de Animais de companhia e frequentou vários cursos de formação, nas áreas de Urgências e Cuidados Intensivos em Animais de Companhia, Dermatologia e Alergologia Veterinária e Ecografia em Pequenos Animais.

Desde 2004, é colaboradora técnica na indústria farmacêutica e realizou uma pós-graduação em Gestão de Marketing Farmacêutico.

Fundou em 2010 o Centro Veterinário MyVet, dedicado à clínica e cirurgia de animais de companhia, em Paço de Arcos, no qual é atualmente diretora clínica.

Márcia Carmo

Separador

Auxiliar Veterinária

Márcia Carmo


Frequentou o curso de Auxiliar de Veterinária, Estética canina e felina e Treino e Comportamento canino em 2002.

Possui vários anos de experiência em hospitais e clínicas veterinárias como responsável de auxiliares e do serviço de estética.

É uma das fundadoras do Centro Veterinário Myvet, onde atualmente exerce as funções de auxiliar de ação veterinária e responsável pelo serviço de estética animal.

Nuno Sousa

Separador

Médico Veterinário

Nuno Sousa


Licenciado em Medicina Veterinária pela Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Técnica de Lisboa, em 2007.

Realizou o estágio curricular no Instituto Veterinário do Parque.

Tem como principais áreas de interesse a Cirurgia, a Ecografia e a Cardiologia em Animais de Companhia, tendo já frequentado diversos cursos de formação nessas áreas.

Usufruindo da experiência adquirida ao longo da sua prática clínica, foi um dos fundadores do Centro Veterinário Myvet, onde exerce clínica e cirurgia em exclusivo desde 2010.

Jumbo Online Jumbo Online

Passatempo
Inscrições
Pergunte ao Vet
O que está a dar
O que está a dar

Pet Dating

Informações úteis
Auchan Portugal Hipermercados, 2014 - Todos os direitos reservados
Youtube (desactivado)